Oficina de Roma vai olhar para os padrões da indústria de cannabis


A ASTM International (Sociedade Americana para os Testes e Materiais) irá realizar um workshop nos dias 18 e 19 fevereiro em Roma, sobre o seu Comité Técnico sobre Canábis (D37), que está a trabalhar para desenvolver padrões para produtos e processos relativos à canábis.

A ASTM International é uma das maiores organizações para o desenvolvimento voluntário de normas e standards no mundo. É um grupo sem fins lucrativos e fornece um fórum para o desenvolvimento e publicação voluntária de padrões de consenso internacional para materiais, produtos, sistemas e serviços.

Video de Apresentação do D37

O grupo que compõe o comité técnico D37, um comité criado exclusivamente para questões relativas à canábis, visa atender às necessidades da indústria legal de canábis, e pretende abordar a qualidade e segurança através do desenvolvimento de classificações, especificações, métodos de teste, práticas e guias para cultivo, fabrico, garantia de qualidade, considerações em laboratório, embalagem e segurança.

Os membros voluntários da ASTM representam produtores, consumidores, governo e investigadores de mais de 140 países que desenvolvem documentos técnicos que representam as bases para as actividades de manufactura, gestão, vendas, codificação e regulamentação para dezenas de outros setores da indústria.

Avanço através da padronização

O objetivo do Workshop é “Avançar no Campo da Canábis/cânhamo por meio da Padronização”, e será realizado no Rome Marriot Park Hotel. O workshop explorará a criação de novos padrões industriais.

Os tópicos para o workshop incluem: Actualizações regionais pelas partes interessadas da indústria de canábis; uma apresentação intitulada “Fit for Purpose” sobre as classificações da planta Canábis e sobre o trabalho da fundação e ainda uma sessão sobre a formação de pessoal que aborda temas como segurança e conformidade.

Deixe uma resposta